Exorcismos, amores e uma dose de blues por Eric Novello

Título: Exorcismos, amores e uma dose de blues
Autor: Eric Novello
Editora: Gutenberg
Data de Publicação: Agosto 2014
Páginas: 336

“Em uma cidade como Libertá, quem falha dificilmente consegue uma segunda chance. Por isso, é com um misto de excitação e desconfiança que Tiago Boanerges recebe a visita de seu antigo supervisor. Exorcista experiente, foi demitido do Conselho de Hórus – organização responsável por investigar o comportamento de seres sobrenaturais – após fracassar em uma missão. A proposta é atraente: concluir o trabalho para o qual foi designado e alcançar a redenção. Mas o preço é alto, pois terá de se aproximar novamente de um antigo amor, que não só lhe custou a carreira, como seu próprio coração. Em um cenário noir em que blues e fumaça permeiam um submundo de seres fantásticos, ele sai em busca da musa que arruinou sua vida. Mas antes precisará exorcizar seus próprios fantasmas se não quiser falhar mais uma vez e ver sua vida destruída para sempre.


Exorcismos, amores e uma dose de blues é mais um que faz parte da pequena coleção momentos incríveis que me fazem lembrar da Bienal do Livro de São Paulo, já que eu tive alguns breves momentos de contatos com o Eric, o autor, que é uma pessoa super interessante!

Já faz alguns meses que eu li esse livro, então eu peço perdão se eu não conseguir fazer essa resenha com toda a precisão que eu normalmente costumo fazer, mas de forma geral eu me lembro bem dos eventos gerais dele ainda.

Ele vai tratar a história de Tiago, um exorcista experiente que foi expulso do Conselho de Hórus, que recebe uma proposta de trabalho um pouco fora do comum: terminar o trabalho que inicialmente foi a causa de seu fracasso no passado. O universo da história se passa por Libertá, que é uma espécie de São Paulo paralela, onde pessoas vivem de forma… digamos que harmoniosa com criaturas sobrenaturais. Além disso, o livro todo tem uma aura, uma ambientação um pouco mais pesada mesmo; enquanto eu lia o livro me imaginei perfeitamente tudo que o autor descrevia, todas as cenas, todos os detalhes de cenário, todas as trilhas sonoras, nada passou longe dos meus olhos e do meu pensamento.

O que eu posso dizer de primeira mão é que eu não diria que esse livro é tanto para uma categoria de young adult, ele estaria quase no meio termo entre o gênero e o adulto, mas também sem ser necessariamente um new adult por ser um livro de gênero fantástico como foco, e não o romance. Na verdade, o romance é uma das menores partes desse livro, o que pra mim foi uma coisa super positiva, já que eu já tava ficando um pouco saturada de livros com foco muito grande nos personagens e no romance deles.

O Eric foca muito sim no desenvolvimento do Anderson e da Julia – outra personagem – ao longo de todo livro, mas isso é neles como pessoas emocionalmente e também em suas profissões, já que o Anderson é um exorcista e a Julia é uma necromante. É muito bacana ver o personagem principal ficando cada vez mais forte a medida que você vai passando as páginas, mesmo que muitas vezes ele mesmo e as outras pessoas ao seu redor ficam duvidando da sua capacidade de lutar contra os seus erros do passado e se tornar uma pessoa melhor. Pra mim esse foi um dos pontos principais do livro, sem sombra de dúvidas.

Também gostei muito do desenvolvimento de Libertá, ela muito bem descrita, assim como as alusões aos outros reflexos paralelos. O Eric criou o universo no seu livro de uma forma que parece tão real que é possível se imaginar pegando de fato vivendo nele e fazendo coisas rotineiras nele, como indo para um bar ou casa de shows usando desde transporte público até um portal escondido nos fundos de um hostel perto da sua casa.

Foi um dos melhores livros que eu li ano passado, sem sombra de dúvidas é uma leitura que eu recomendo para muitas pessoas, principalmente à aquelas que são fãs de literatura fantástica e de música, acho que elas vão se identificar ainda mais com o personagem principal deste livro. Depois de ler EAEDB pode ter certeza que eu irei conferir outras obras do Eric no futuro, porque não apaixonei apenas com a história, mas com a escrita dele que foi extremamente cativante para mim.

Avaliação: 5/5 estrelas.

E vocês, o que acharam desse livro? Já leram? Tem interesse em ler? Deixe as suas opiniões nos comentários e vamos conversar!

assinatura

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s